Lomeutec - Tutoriais e Informação

Envelopes personalizados no Word

Mesmo com os recursos do Email, Messengers e outros mais que a internet e os computadores nos oferecem, às vezes ainda precisamos enviar uma carta para alguém de maneira tradicional. Vamos ver como personalizar o envelope de acordo com informações personalizadas e uma imagem que pode ser o logotipo da sua empresa.

Word

Word 2000:

Abra o Word e salve um documento novo com o nome de 'Envelopes'. Na mesma pasta crie e salve outro documento do word com o nome de 'Fonte de dados'. Nele vá ao menu 'Tabela', clique em 'Inserir' e depois em 'Tabela'.


Escolha número de colunas 2 e números de linhas 2 e dê 'OK'. Digite qualquer coisa nas células, salve e feche o documento.


Volte ao documento 'Envelopes', vá ao menu 'Ferramentas' e clique em 'Mala direta' para abrir o assitente de criação. Clique no botão 'Criar' e depois escolha 'Envelopes'.


Se você já estiver com uma janela de documento do Word aberta, ele perguntará se deseja criar na mesma janela ou abrir uma nova e trabalhar nela. Escolha a opção 'Janela Ativa' e continuemos. Clique no botão 'Obter dados' e selecione 'Abrir origem de dados'.


Ele irá solicitar que você indique um arquivo que contenha uma fonte de dados qualquer. Selecione aquele documento que você criou e deu o nome de 'Fonte de dados'. Ele só foi criado para conseguirmos passar dessa etapa. O Word irá solicitar que você faça uma configuração. Vamos ver como fazer isso. Primeiro você deve saber as dimensões do envelope onde iremos imprimir as informações.


Deverá informar como ele será colocado na impressora. Configure isso na aba 'Opções de impressão'. Essas opções são importantes e devem ser configuradas de maneira correta.


Confirme e verá uma janela onde você deverá inserir o endereço do destinatário, mas o nosso objetivo é somente criar o layout do envelope, por isso apenas clique em 'OK'


Depois disso você já pode fechar a janela do assistente. Perceba que o documento do Word tomou a forma de um envelope, esperando apenas que você insira as informações nele. Se quiser, poderá até inserir um logotipo que o tornará bem mais personalizado. Para isso vá ao menu 'Inserir' depois em 'Figura' e em seguida 'Do arquivo'.


Selecione a imagem do seu logotipo a partir de algum lugar do seu computador. Depois de inserir o logotipo, você poderá redimensioná-lo e ajustar a sua posição em relação ao texto também.


Veja que ao invés de usar um logotipo eu usei um clipart. Fiz isso somente como um exemplo de como ficaria uma imagem no envelope. Jamais use clipart para isso. Perceba também que, no exemplo acima, o campo do destinatário já está preenchido. O ideal é que você deixe esse campo para ser preenchido somente na hora da impressão e que salve esse documento como um modelo. Observe como fazer.

Vá ao menu 'Arquivo' e escolha 'Salvar como'. Em seguida, escolha a opção 'Modelo do documento (*.doc)' e clique em 'Salvar'.


Já pode fechar o documento. Agora quando você precisar, abra o Word, vá ao menu 'Arquivo' e depois em 'Novo'. Escolha o modelo de envelope que você salvou, abra, edite a informação de destinatário e imprima.


Aquele arquivo que foi criado com tabela e que foi nomeado como 'Fonte de dados', não tem mais nenhuma serventia e já pode ser eliminado sem problema.

Word 2003:

Mostrarei apenas os pontos que divergem no Word 2003 em relação ao Word 2000. Para iniciar o assistente de criação por exemplo, você deve ir ao menu 'Ferramentas', clicar em 'Cartas e correspondências' e em seguida em 'Mala direta'.


Perceba que o assistente no Word 2003 se apresenta de maneira diferente do Word 2000. Você o verá na parte direita do editor.


Depois de selecionar 'Envelopes' clique em 'Próxima: Documento inicial' que fica mais abaixo. Clique em 'Opções de envelope' para ajustar as configurações e defenir o tamanho adequado do envelope que você usará para imprimir as informações. Depois pressione 'OK' para confirmar.


Tendo feito isso, aparecerá a página já do tamanho do envelope bastando apenas que você personalize.


Lembre-se de deixar em branco a parte do preenchimento do destinatário e salvar esse documento como modelo. Veja que ao tentarmos abrir um modelo já pronto no Word 2003, encontraremos uma pequena diferença em relação ao Word 2000. Vá ao menu 'Arquivo' clique em 'Novo' e do lado direito do editor você verá um link 'No meu computador'. Clique nele e aí então você poderá abrir o seu modelo.


Veja que no Word 2003 nem houve a necessidade de criar um segundo arquivo para burlar a etapa que, no Word 2000, exige uma fonte de dados.

Word 2007:

Mais uma vez, apresentarei apenas os pontos divergentes no processo de personalização do envelope no Word 2007 em relação as outras versões do Word.

Depois de abrir o Word 2007 clique na guia 'Correspondências', clique sobre 'Iniciar Mala Direta' e selecione 'Envelopes'.


Surgirá a janela onde você poderá definir as opções de impressão no envelope. Depois de fazer os ajustes clique em 'OK'. A folha do Word ficará do tamanho certo para trabalharmos. Para inserir o seu logotipo clique na guia 'Inserir' e em seguida no botão 'Imagem' para selecioná-lo a partir do seu computador. Depois faça o resto inserindo os seus dados ou da sua empresa.


Lembre-se de salvá-lo como modelo e que para isso você deve deixar o campo do destinatário por preencher. Clique no Botão do Office, depois em 'Salvar como' e em seguida em 'Modelo do Word'.


Você pode observar que conforme a versão do Word vai sendo atualizada, também vão sendo necessários menos etapas para se fazer a mesma coisa.

Veja também como criar cartões de visitas no Word.

Trabalhando com campos editáveis no Word

O recurso que cria campos de formulário no Microsoft Word é muito útil quando você tem que gerar vários documentos onde somente alguns trechos precisarão ser alterados. Como é o caso de preenchimento de fichas, registros, contratações, etc. É isso que você verá nessa publicação.

Impressoras - Das Matriciais às 3Ds

Veja nessa publicação um pouco sobre cada tipo de impressora, suas diferenças e suas principais aplicações. A forma como foram evoluindo de simples impressão de texto até alcançar um patamar tridimensional.

Matéria

Impressoras Matriciais
As primeiras impressoras foram as impressoras de Impacto ou impressora Matricial e ainda são largamente usadas. Algumas podem imprimir folhas soltas, mas a maioria usa papel tipo formulário contínuo, aquele com furações na bordas laterais. Geralmente são usadas na impressão de folhas de pagamento e cupons fiscais. Seu valor é elevado, mas em contra partida, seus suprimentos (papel e fitas de impressão) são muito baratos. A manutenção nem tanto. Principalmete quando o assunto é a troca da cabeça de impressão, que é para essa impressora tão importante quanto o processador é para o computador. Elas funcionam impactando agulhas, que ficam dispostas na cabeça de impressão de forma vertical, sobre o papel. Entre as agulhas e a folha fica uma fita de impressão impregnada com tinta. É como nas antigas máquinas de escrever.

A qualidade delas está diretamente ligada ao número de agulhas, a aproximidade entre si e a precisão do motor de avanço da cabeça de impressão. São monocromáticas e utilizadas para imprimir textos. Um outro tipo de impressora Matricial são as impressoras Margaridas. São conhecidas assim por possuírem uma esfera com caracteres que se vista de cima lembrava uma flor. Essa esfera girava para a posição correta onde o caracter impactava a fita com tinta sobre o papel fazendo a impressão. Não foram mais populares que as impressoras Matriciais, embora sua qualidade de impressão fosse melhor. Essas são as que mais se parecem com as máquinas de escrever.

Impressoras a jato de tinta

São as mais comuns atualmente e também as mais baratas. A variedade de marcas, preços e qualidade entre esses tipos de impressoras é enorme. Sua impressão é feita através de "espirros" de tintas sobre a folha de papel e a qualidade da impressão de algumas se aproxima das impressoras a Laser. Sua tinta fica armazenada em cartuchos que podem ser trocados por novos ou remanufaturados, ou seja, reabastecidos. Os cartuchos podem ser reabastecidos com kits próprios para isso, mas não é fácil encontrar kits completos e ao mesmo tempo baratos. Uma preocupação que você deve ter ao comprar uma impressora a jato de tinta é se será barato reabastecê-la depois. Algumas impressoras muito baratas possuem cartuchos de tintas caros. Por exemplo, você compra uma impressora que custa R$150,00 e na hora de comprar o cartucho de tinta novo você descobre que ele custa R$80,00. Algumas impressoras a jato de tinta podem imprimir com qualidade fotográfica desde de que se utilize um papel apropriado. Esse tipo de impressora é muito mais rápida na velocidade de sua impressão se comparadas as impressoras Matriciais, fora o fato de serem capazes de imprimir imagens e não somente texto.

Impressoras a Laser

São mais caras que as impressoras a jato de tinta, mas seu custo de impressão é mais barato se comparadas o uso em larga escala e muito mais rápidas se comparadas as impressoras Matriciais. Daí serem muito utilizadas em grandes empresas, onde é impresso muito material e é necessário também que a impressão seja de alta qualidade, rápida e com mais baixo custo possível. Você já deve ter visto uma impressora assim quando foi a uma agência bancária. As impressoras apresentadas anteriormente imprimem linha por linha e a impressora a Laser imprime uma página inteira por vez. Sua recarga é feita por meio da troca de toner. O toner é um cartucho que possui em seu interior um pô de cor escura e eletricamente carregado que ao se esgotar deve ser trocado como você faria com o cartucho das impressoras a jato de tinta. As impressoras a Laser são as mais indicadas para imprimir imagens, pois imprimem com qualidade superior às demais.

Existem muitos outros tipos de impressoras e algumas existem para cumprir tarefas específicas, mas as apresentadas nessa publicação são as mais conhecidas. Veja a seguir o tipo de tecnologia que veremos se tornarem comuns nas lojas em alguns anos.

Impressoras 3D

Essas impressoras fabricam objetos a partir de uma imagem tridimensional feita no computador. Por exepmplo, você reproduz um boneco do Homem-Aranha em algum software de editoração 3D como o 3D Max e a impressora fabrica o boneco. É como ter uma fábrica particular. Aliás, muitas empresas já utilizam essa tecnologia na fabricação de modelos e protótipos. Esse procedimento feito dessa forma, fica muito mais barato mesmo levando em consideração o preço da impressora. Não existem atualmente modelos domésticos acessíveis para esse tipo de tecnologia de impressão, mas isso deve mudar em breve, já que o preço, embora ainda seja alto, já reduziu bastante desde as primeiras impressoras 3Ds criadas. O conceito de impressão tridimensional é um só, visando sempre à produção de um objeto detalhado com volume e profundidade, entretanto, até mesmo para uma única aplicação existem diversas tecnologias diferentes.

As diferentes tecnologias de impressão 3D

A primeira consiste na sobreposição de diversas lâminas de polímeros, as quais são coladas por meio do conteúdo de um cartucho especial de cola e cortadas em locais específicos, camada por camada, conferindo a forma final. A cor do material também pode ser escolhida (dentre cerca de cinco opções, incluindo algumas translúcidas), mas deve ser aplicada em toda a peça.
Ao término do processo, o usuário precisa apenas destacar as partes remanescentes do bloco principal.

O segundo método consiste na aplicação de jatos do material em pó por meio de um cartucho de impressão, que são unidos de forma seletiva por outro cartucho com conteúdo adesivo. Esta é a tecnologia de impressão tridimensional mais rápida existente atualmente, além de ser também a única que permite a aplicação de finalização colorida nos objetos (simulando a pintura). Uma variação da aplicação de cartuchos utiliza fotopolímeros em estado líquido, que são injetados e tratados em camadas por meio de uma lâmpada UV (ultravioleta). Aqui entra a combinação entre as cores preta e branca para a criação de tons de cinza, muito populares entre eletro-eletrônicos.

Outra mais recente trabalha com materiais sólidos (chamados de ABS), que são aquecidos em uma câmara e derretidos até o ponto de injeção, sendo aplicado então um método similar ao descrito acima. Por tratar com um calor realmente elevado, o objeto construído é imediatamente depositado em uma câmara com água para ser resfriado e finalizado.

Por fim e voltada especialmente à produção de objetos realmente pequenos — temos a micro-fabricação tridimensional em gel, que utiliza lasers focados em diferentes pontos e distâncias para tratar o material até um ponto em que ele se torne sólido. Todo o restante que não foi focado é simplesmente lavado ao fim do procedimento, se desprendendo da peça. Componentes com tamanhos inferiores a 100 nanômetros são facilmente produzidos. Outro exemplo, novamente, são as peças interligadas com partes móveis.

Com essa impressora você poderá reconstruir a "carcaça" daquele telefone que "voou" na parede durante aquela briga de crise de ciúmes.
Veja também as diferenças entre as TVs de LCD, PLASMA e LED.

Saiba como será a sua aparência daqui a vinte anos

Um site americano se propõe a fazer uma simulação de envelhecimento em fotos de rostos. O serviço é gratuito e muito fácil de ser usado. Basta acessar o site, selecionar algumas opções, fazer o upload da foto e aguardar o resultado na tela. Não é perfeito, mas vale a pena conferir.

Conjuntos Numéricos

Há sempre questões sobre conjuntos numéricos em concursos e vestibulares e qualquer pergunta respondida erroneamente pode significar a perda da vaga. Também significa que você desperdiçou todo o investimento com viagem, preparação, tempo, etc.

Ir para o índice

Concurseiro

Conjunto dos números Naturais

O conjunto dos números Naturais é representado pela letra 'N' e é constituído pelo zero e números positivos:

N = {0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, ...}

Possui um subconjunto representado por 'N*' que exclui o zero que é valor nulo:

N* = {1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11, 12, 13, 14, ...}

Conjunto dos números Inteiros

O conjunto dos números Inteiros é representado pela letra 'Z' e é constituído por números negativos, pelo zero e por números positivos:

Z = {..., -5, -4, -3, -2, -1, 0, 1, 2, 3, 4, 5, 6, 7, ...}

O conjunto dos números Inteiros possui alguns subconjuntos como:

Conjunto dos Inteiros não negativos: (conjunto N)
Z+ = {0, 1, 2, 3, 4, 5, …}

Conjunto dos Inteiros não positivos:
Z- = {…, -4, -3, -2, -1, 0}

Conjunto dos Inteiros não nulos:
Z* = {…, -3, -2, -1, 1, 2, 3, 4, …}

Conjunto dos Inteiros positivos:
Z+* = {1, 2, 3, 4, 5, 6, …}

Conjunto dos Inteiros negativos:
Z-* = {…, -6, -5, -4, -3, -2, -1}

Conjunto dos números Racionais

O conjunto dos números Racionais é representado pela letra 'Q' e pode ser escrito na forma de fração (a/b) desde que o valor de 'a' seja um número inteiro e o valor de 'b' seja diferente de zero.

Veja alguns exemplos:

a) 3 = 3/1
b) 0,8 = 8/10
c) 0,4343 = 43/99
d) -8 = -8/1
e) 0,555 = 5/9
f) 3,41 = 341/100

O conjunto dos números Racionais também possui subconjuntos:

Conjunto dos números Racionais não negativos:
Q+ = {x Є Q / x ≥ 0}

Conjunto dos números Racionais não positivos:
Q– = {x Є Q / x ≤ 0}

Conjunto dos números Racionais não nulos:
Q* = {x Є Q / x ≠ 0}

Conjunto dos números Racionais positivos:
Q*+ = {x Є Q / x > 0}

Conjunto dos números Racionais negativos:
Q*– = {x Є Q / x < 0}

Conjunto dos números Irracionais

O conjunto dos números Irracionais é representado pela letra 'I' e possui números que não podem ser escritos na forma de fração e tem infinitas casa decimais que não são periódicas. Números não-periódicos são aqueles que não se repetem. Dízima é o numeral que se apresenta em uma série infinita e expressa o resultado de uma divisão. Quando se repete em grupos ordenados e sempre na mesma disposição, são chamados de período. Quando não é possível determinar o período de uma dízima dizemos que o número é Irracional. Entendeu? Veja os exemplos de dízimas que fica mais fácil entender:

Dízima periódica simples: (Neste caso a dízima aparece imediatamente após a vírgula.)

0,44444… (Período 4)

0,512512512… (Período 512)

0,56565656… (Período 56)

0,354235423542... (Período 3542)

3,333333... (Período 3)

Dízima periódica composta:(Neste caso há um ou mais algarismos que não entram na composição do período.)

0,72222222… (Período 2)

0,58444444… (Período 4)

0,15262626… (Período 26)

1,154444... (Período 4)

Dízima não-periódica: (Impossível determinar o período)

3,1622776601... (Período inexistente)

13,3041134695... (Período inexistente)

7,6811457478... (Período inexistente)

Percebeu que não é possível determinar o período em um número Irracional? As raízes quadradas de números que não são quadrados perfeitos são também chamadas de números Irracionais. Quadrados perfeitos são aqueles números que são obtidos ao se multiplicar um número natural por ele próprio. Um exemplo de quadrado perfeito é o 25 já que nada mais é do que 5 ao quadrado ou 5 x 5. Esses números acima que não puderam ter seu períodos determindados são respectivamente √10, √177 e √59. Veja outros exemplos:

√6 = 2,4494...

√2 = 1,4142...

√3 = 1,7320...

Conjunto dos números Reais

O conjunto dos números Reais engloba todos os demais conjuntos mencionados anteriormente e é representado pela letra 'R'. Seus subconjuntos são:

Conjunto dos números Reais não negativos:
R+ = {x Є R / x ≥ 0}

Conjunto dos números Reais não positivos:
R– = {x Є R / x ≤ 0}

Conjunto dos números Reais não nulos:
R* = {x Є R / x ≠ 0}

Conjunto dos números Reais positivos:
R*+ = {x Є R / x > 0}

Conjunto dos números Reais negativos:
R*– = {x Є R / x < 0}

Veja abaixo a hierarquia dos conjuntos:


Há um erro na imagem acima. Conseguiu perceber qual?
Na verdade π (pi) é um número Irracional.

Existe ainda o conjunto dos números Imaginários ou Complexos representado pela letra 'C' e que surgiu devido a necessidade de resolver problemas que envolvem raízes com números negativos. Para isso foi determinado que a raiz de menos um seria igual a um. (√-1 = 1). Essa é uma unidade imaginária e com ela podemos dizer que
'i' ao quadrado é igual a menos um. Para a resolução dos números complexos, podemos utilizar uma fórmula (z=a+bi) onde 'z' é o número complexo a ser encontrado, 'a' é o número real e 'bi' é a parte imaginária da equação. Veja:

Na equação (z=6+2i) o 'z' é a incógnita, o '6' é o valor real e o '2i' é o valor imaginário.

Isso foi só uma introdução aos números complexos. Esse assunto merece uma publicação própria e não será abordado agora, já que o foco são os conjuntos dos números Naturais, Inteiros, Racionais, Irracionais e Reais.

________________________________________

Exercícios

1) Em uma pesquisa de opinião, uma empresa perguntou a oitocentas pessoas qual era o sabor de sorvete que elas gostavam. Duzentas pessoas disseram que gostavam do sorvete de creme, trezentas responderam sorvete de chocolate. Dessas pessoas, cento e trinta disseram que gostavam igualmente do sorvete de creme e do sorvete de chocolate. Quantas pessoas não responderam nenhum dos dois sabores?

________________________________________

2) Uma pesquisa entre 800 consumidores – sendo 400 homens e 400 mulheres – mostrou os
seguintes resultados. Do total de pessoas entrevistadas, 500 assinam o jornal X, 350 têm curso superior, 250 assinam o jornal X e têm curso superior. Do total de mulheres entrevistadas, 200 assinam o jornal X, 150 têm curso superior, 50 assinam o jornal X e têm curso superior. O número de homens entrevistados que não assinam o jornal X e não têm curso superior é portanto igual a?

________________________________________

3) Considere os seguintes números:

I. 33,33333...
II. 0,010010001...
III. 0,123412341234

Quais são números racionais?

________________________________________

4) Em uma cidade existem duas empresas de transporte coletivo, A e B. Exatamente 70% dos
estudantes dessa cidade utilizam a empresa A e 50% a empresa B. Sabendo que todo estudante da cidade é usuário de pelo menos uma das empresas, qual o percentual deles que utilizam as duas empresas?

________________________________________

5) Considere dois conjuntos, A e B, tais que A = {4, 8, x, 9, 6} e B = {1, 3, x, 10, y, 6}. Sabendo que a interseção dos conjuntos A e B é dada pelo conjunto {2, 9, 6}, o valor da expressão y - (3x + 3) é igual a:

a) -28
b) -19
c) 32
d) 6
e) 0

________________________________________

________________________________________

Respostas

Exercício 1

Vamos separar os dados:

Sorvete de creme
200

Sorvete de chocolate
300

Sorvete de creme e chocolate
130

Outros sabores
?

Total de entrevistados
800

Montemos os conjuntos:


Observando a figura fica fácil retirar os dados:

creme U chocolate = 500
creme chocolate = 130

A união dos grupos menos a interseção é igual a: 370

500 - 130 = 370

Sabemos que 370 representa o número de pessoas que gostam somente de sorvete de creme ou somente de sorvete de chocolate. Sabemos também que o número total de entrevistados foi 800.

Sendo assim é só subtrair:

800 - 370 = 430

Resposta:

Quatrocentas e trinta pessoas entrevistadas não responderam sorvete de creme ou chocolate.

________________________________________

Exercício 2

Vamos separar os dados:


Homens = 400
Mulheres = 400
Total = 800 entrevistados

Do conjunto homens e mulheres:

350 tem curso superior

Dados sobre leitores do jornal X:

500 assinantes no total
250 assinantes com curso superior

Do total de mulheres entrevistadas:

200 assinam o jornal X
150 posuem o ensino superior
50 possuem o ensino superior e assinam o Jornal X

Vamos usar a lógica:

  • Sabemos que 50 mulheres entrevistadas assinam o jornal X e têm ensino superior;
  • Como são 200 mulheres no total que assinam o jornal X, então 150 mulheres que assinam este jornal, não possuem o ensino superior;
  • Sabemos que 250 assinantes do jornal X possuem ensino superior. Portanto, 200 são homens;
  • Do total de 150 mulheres que possuem o ensino superior, 100 não assinam o jornal X;
  • Sabemos que 350 pessoas entrevistadas possuem o ensino superior sendo, 150 mulheres (50 que assinam o jornal X e 100 que não assinam) e 200 homens que assinam o jornal X;

Vamos rever alguns cálculos:

Focando nas mulheres nós desobrimos que 100 posuem o ensino superior, 50 possuem o ensino superior e assinam o jornal X e 150 somente assinam o jornal X. Perfazendo um grupo de 300 mulheres, deixando de fora 100 mulheres do total de 400 que não assina o jornal X e nem possui o ensino superior.

Já descobrimos que dos leitores do Jornal X, 200 são homens e possuem o ensino superior, 50 são mulheres e possuem o ensino superior e que 150 mulheres não possuem o ensino superior perfazendo assim um total de 400 pessoas. Sendo assim, falta alocar 100 pessoas do total de 500 que lêem o jornal. Como o grupo das mulheres já foi todo preenchido, essas 100 pessoas que faltam e que apenas assinam o jornal X só podem ser homens.


Como o total de homens entrevistados são 400 e sabemos que 200 são os que têm curso superior e 100 não têm perfazendo um total de 300, restam apenas 100 homens que não foram incluídos nesses grupos.

Resposta:

O número de homens entrevistados que não assinam o jornal X e também não possuem ensino superior é 100.

________________________________________

Exercício 3

Para resolver este enunciado, basta lembrar que os números Irracionais não podem ser colocados em forma de fração e que também podem ser fácilmente identificados por possuírem infinitas casa decimais não periódicas.

I. 33,33333... (Período 3)
II. 0,010010001... (Período inexistente)
III. 0,123412341234 (Período 1234)

Resposta:

I e III são números Racionais

________________________________________

Exercício 4

Esse exercício pode ser resolvido através da seguinte fórmula:

n(A ∪B) = n(A) + n(B) − n(A ∩B)

Todos os estudantes da cidade utilizam pelo menos uma empresa e na cidade só há a empresa A e a empresa B, portanto:

n(A ∪B) = 100%

A empresa A transporta 70% dos estudades:

n(A) = 70%

A empresa B atente à 50% dos estudantes:

n(B) = 50%

Queremos saber a porcentagem de estudantes que utilizam os dois transportes. A fórmula fica assim:

100% = 70% + 50% − n(A ∩B)
100% = 120% - n(A ∩B)
n(A ∩B) = 120% - 100%
n(A ∩B) = 20%

Resposta:

20% dos alunos utilizam as duas empresas.

________________________________________

Exercício 5

Veja o diagrama:


Veja que 'x' só pode ser igual a 2 e que 'y' igual a 9. Substitua os valores e veja por exemplo que se fosse o contrário, ou seja x=9 e y=2, então teríamos o 9 aprecendo duas vezes no conjunto A.

Fica assim então:

A = {4, 8, 2, 9, 6}
B = {1, 3, 2, 10, 9, 6}.

Substituiremos os valores na expresão

y - (3x + 3) = valor
9 - (6 + 3) = valor
0 = valor

Resposta:

O valor da expressão é '0', portanto a resposta correta é a letra 'e'.

________________________________________

Favicon - ícone do lado do endereço do blog

Favicon é aquele ícone que aparece no navegador do lado do endereço do site ou blog. Tem pouca utilidade prática, mas dá uma aparência mais profissional as páginas. Seu nome origina-se da junção das palavras "favorite + icon". Colocar um favicon em um site é muito fácil, mas em um blog tem que seguir alguns procedimentos.

Cliente FTP baseado na Web

Quando precisamos publicar sites utilizamos alguns programas que fazem o trabalho pesado para nós. É o caso por exemplo do FileZila, mas quando não temos à mão um software semelhante, podemos dispor de outro recurso que não precisa nem de instalação. Um seviço de cliente FTP gratuito baseado na Web é o net2ftp que você verá abaixo.
Técnico
Vou mostrar um exemplo básico e prático de utilização do net2ftp ao subir um site para o 000Webhost para que você possa ver que realmente funciona. Então acesse o link. O site é o mostrado na imagem abaixo.


O preenchimento dos campos não requer prática nem tão pouco habilidade. É só observar os dados que estão na sua conta no 000WebHost. Para ver os dados, após logar, clique em 'Go to C Panel'.


Os dados que você precisa estarão na área a direita no site.


O primeiro campo que você precisa preencher no site net2ftp é o 'FTP server'. No 000Webhost o seu servidor FTP é algo como:

ftp.seudominio.nowebhost.com

No exemplo o dominio registrado é:

advogadas.hostei.com

Então ficou assim:

ftp.advogadas.hostei.com

O campo 'port' deixe como está a não ser que seu servidor utilize outra porta, mas se você não sabe, 21 é o valor padrão. O Campo 'Username' você preenche com o que foi gerado pelo 000Webhost. Geralmente é uma letra seguida de alguns números, algo como:

a9575150

No campo 'Password' você digita a mesma senha que usa para logar no 000Webhost e o campo 'Initial directory' será preenchido só com uma barra '/'. O preenchimento fica parecido como o mostrado na figura abaixo.


Clique no botão login e você verá as pastas na raiz do diretório do seu servidor. Se quiser, poderá mudar a linguagem para que fique mais fácil usar o serviço.


Só para lembrar que no 000Webhost você não deve fazer nenhum upload diretamente na raiz, para isso tem a pasta 'public_html' - clique nela. Perceba que é tudo muito simples e não necessita que eu explique cada item. Na parte de cima estão as opções de envio de arquivo para o servidor, na parte de baixo exibe as pastas e arquivos que já estão no servidor e à direita alguns botões que ajudam no gerenciamento das pasta e arquivos hospedados. Para fazer upload existem três opções. Um opção básica, uma em java e última em flash. Vou Demonstrar somente com a básica ja que o procedimento não difere muito dos outros. Clique no botão 'Enviar'.

Abrirá uma tela para que você possa adicionar os arquivos ao servidor. Clique no botão 'Enviar arquivo' para que você possa selecioná-lo a partir do seu compudator e depois de adicionar todos que precisa clique no botão que parece um 'V' na cor verde para confirmar a ação.


Ao final você verá uma tela com um log da operação. Para voltar a pasta onde seus arquivos foram hospedados clique na seta.


E isso encerra o procedimento, os seu arquivos já estarão online. Veja o site que foi hospedado.


Usei net2ftp no 000Webhost só para ilustrar como ele cumpre o que promete, já que o 000webhost também possui um cliente de ftp baseado na Web. Você pode então usar o net2ftp no seu próprio servidor, caso você tenha um, ou em outro serviço semelhante de hospedagem de sites caso ele não possua essa opção. Depois de fazer a hospedagem veja se o seu site está bem configurado usando as ferramentas disponibilizadas nos links abaixo.

WooRank

Meta Tag Analyzer

Veja também como bloquear o acesso a pastas do Windows.

A relação entre o reCAPTCHA e a digitalização de textos

Captcha (Completely Automated Turing Test To Tell Computers and Humans Apart) são aquelas letras que alguns sites dispõem para evitar que seus serviços sejam manipulados por 'bots' - que executam tarefas automatizadas - provocando uma série de problemas como a geração de spans, enchendo o site de propagandas e mensagens indesejadas. Uma dessas opções de captcha é o reCAPTCHA que além de oferecer essa barreira ainda presta outro tipo função.

Curiosidade

Você encontra serviço de captcha em vários site e blogs, inclusive aqui. Para evitar que nos apareçam mensagens geradas por sistemas automatizados (bots), na hora em que um visitante vai fazer o seu comentário tem que fazer a confirmação através da digitação de algumas letras que aparecem em uma imagem. É disso que estou falando, a diferença é que o dono de um site que deseja esse serviço e opta pelo reCAPTCHA para disponibilizá-lo, ajuda na digitalização de textos. É que toda vez que alguém digita aquelas letras que aparecem, aleatóriamente e às vezes distorcidas, está na verdade digitando palavras que que foram scaneadas de livros antigos que após terem sido completamente digitalizados farão parte do Internet Archive. As palavras que são apresentadas são as que não foram identificadas por computadores durante o scaneamento. Isso acontece por erro de OCR (Optical Character Recognition - Reconhecimento Óptico de Caracteres) ao qual estão sujeitos os scaners mediante vários fatores como por exemplo, textos apagados, manchados, com erros de digitação, etc. Esse é um projeto da School of Computer Science que faz com que sejam poupadas 150 mil horas de trabalho que seriam gastas na verificação das palavras que não foram corretamente digitalizadas. São mais de 200 milhões de captchas resolvidos todos os dias tomando apenas 10 segundos de cada pessoa. o.o

O sistema, a grosso modo, funciona assim:

As palavras que não são lidas ou identificadas corretamente pelo OCR são passadas aos usuários com uma outra palavra para a qual a resposta já seja conhecida. O usuário é solicitado a ler as palavras. Se ele resolver aquela cuja resposta seja reconhecida pelo sistema e a outra que não é reconhecida, então subentende-se que a resposta pode estar correta, gera a mesma imagem para outras pessoas e repete o processo para poder determinar com maior exatidão se estava realmente originalmente correta.

Mais informações no próprio site.

Pois é, você ajuda de graça a digitalizar livros e nem sabia disso né? Mas não se preocupe não que é por uma boa causa. ;)

Veja também como baixar música legalizada e gratuita.

Como criar o próprio cartão de visitas

Para você que é um profissional autônomo ou liberal, fazer um cartão de visitas é uma boa maneira de "vender o seu peixe" além é claro de uma boa apresentação por trás de um produto ou serviço de qualidade. Não é difícil fazer o seu próprio cartão como aqueles que você recebe de advogados, basta que você tenha o CorelDraw, imaginação e o conhecimento que será apresentado a seguir.

Download de música gratuita e legalizada

Existe música na internet que pode ser baixada legalmente sem qualquer problema com direitos autorais. Algumas são gratuitas por estarem em domínio público, outras por serem de bandas novas que querem dar uma "palhinha" do seu trabalho e torná-lo um pouco mais conhecido e existem ainda aquelas bandas que disponibilizam duas ou três músicas de alguns de seus álbuns para seus fãs. Nessa postagem você verá um coletânea de sites que disponibilizam downloads de músicas gratuidas.